Menu

Embora o turismo ecológico tenha apresentado um crescimento vertiginoso nos últimos anos, a pesca ainda é a atividade que mais movimenta a economia da região. Todos os anos são milhares de pescadores do Brasil inteiro que vêm ao Pantanal, atraídos pela enorme variedade de peixes e pelos encantos da fauna e flora pantaneira.

A pesca esportiva, cada vez mais praticada na região, vem de encontro com as políticas de preservação ambiental, pois tem como principal característica, a liberação posterior do peixe fisgado. As espécies nativas do pantanal, como o Dourado, as Cachorras, os Pintados e os Pacus, são as mais procuradas devido a sua bravura e desempenho em águas correntes.

Para usufruir, no entanto, de tudo que o Pantanal oferece ao turista pescador, é necessário conhecer e respeitar as regras locais, instituídas pelo IMASUL – Instituto de Meio Ambiente do Mato Grosso do Sul. Estas regras devem ser observadas com todo o rigor, pois além da sua importância para a preservação das espécies e do meio ambiente, impõem multas pesadíssimas ao turista infrator.

É premissa para nossa administração, incentivar o cumprimento destas regras, orientando e fiscalizando os que se hospedam conosco. Assim, convidamos a todos que baixe a CARTILHA DO PESCADOR, editado e mantido pelo IMASUL, uma publicação oficial e completa sobre o assunto.


Quer conhecer o MANUAL DO PESCADOR? Baixe o PDF


Precisa da Licença de Pesca? Busque aqui